Mídia

Exposições, oficinas, palestras, entrevistas, resenhas

Entrevista para Canal 10, Rivera, 2017.


Nota para Norte Visión Noticias, Rivera, 2017.


Entrevista para Canal 10, Rivera, 2017.


Oficina Artes Visuales - Campo Abierto, 2018.


Banner publicitário para exposição individual na galería Braguay, 2016.


Exposição individual na galería Braguay, 2016.


Nota cultural diário A Platéia, Sant'ana do Livramento, RS. 2018.


A criatividade de Raúl Sarasola
Texto de Osmar Santos

A grande conquista da arte contemporânea consiste na liberdade total e absoluta dos criadores, independentemente da tradição e do gosto popular.
Em relação aos pintores, essa liberdade manifesta-se desde o momento de assumir o começo de uma peça, sendo que cada artista o inicia de maneira diferente, de seu jeito. É o natural.
Raúl Sarasola produz suas pinturas começando, em geral, sem uma ideia previa do que vai realizar.
Simplesmente deija-se levar pela intuição e o atrativo das cores e assim vai conseguindo uma perfeita e armoniosa relação tonal.
Obviamente que isso não sería possível se ele não tivese, como tem, uma sólida formação em artes plásticas.
Mas não é somente intuicão e automatismo; confluem muitos outros fatores, especialmente o estado anímico, produto das vivências do dia-a-dia, motivo pelo qual mudam as tonalidades e a dinâmica da composição.
Esta pode resultar retraída num ponto em particular, com cinzas ou pretos predominantes, ou aberta, expondo-se em forma explosiva com vermelhos, azuis e outras, sempre saturadas.
Sua produção é autobiográfica e por tanto auténtica e para aprecia-la melhor, cada observador tem que se libertar das formas convencionais ou naturalistas que o acompanham desde sempre, e penetrar o atrativo mundo da criatividade.



● PDF: Sarasola Oxidado - texto de Michel Croz (nota publicada en DeRivera.com, año 2017)


● PDF: En el laberinto de Raúl - texto de Roberto Araújo.


Link: 'Um regente do acaso. A propósito de “Por una cabeza”, de Raúl Sarasola, no Projeto Braguay' – por Thomaz Albornoz Neves.